Crystal Imóveis :: Casas, apartamentos, sobrados, terrenos  - Avaré - SP
Avaré

História

Em busca de um lugar ideal para viver, com terras agricultáveis e água em abundância, os pioneiros chegaram à região da atual Avaré por volta de 1840, segundo as pesquisas mais recentes. Ao major Vitoriano de Souza Rocha e a seu compadre, Domiciano Santana é atribuída a fundação da cidade, cujo local, com vegetação exuberante e muitos recursos naturais, levou ambos, procedentes de Bragança Paulista e de Pouso Alegre, a enfrentarem as dificuldades iniciais como os ataques de índios botucudos, e se estabelecerem.

Por volta de 1861, ao cumprir uma antiga promessa - a vida salva de sua mulher depois de parto difícil - o Major construiu uma capela bem no lugar onde hoje está erguido Santuário de Nossa Senhora das Dores. No altar da pequena igreja e futura matriz ele colocou a imagem daquela que se tornaria a padroeira da cidade. Junto com o amigo Domiciano fez ainda a doação de 11 alqueires ao patrimônio da futura vila, isto no dia 15 de maio de 1862.

Ao redor da capela nasceu o povoado, chamado Rio Novo. O Major e Domiciano são considerados os fundadores e a data em que se comemora a festa da cidade é 15 de setembro, dia em que a liturgia católica celebra a festa de Nossa Senhora das Dores.

A Vila do Rio Novo foi elevada à categoria de cidade com o nome de Avaré em 1891. A população -Dentre os imigrantes que formaram a sociedade avareense, os integrantes da colônia portuguesa estão entre os de maior número. Também contribuíram para o desenvolvimento local espanhóis, italianos, árabes, japoneses, suíços e negros.

Participaram ativamente da formação do povoado nomes hoje ligados à história social e política de Avaré, como o capitão Israel Pinto de Araújo Novaes, o coronel João Baptista da Cruz e o alferes Manoel Marcelino de Souza Franco, o Maneco Dionísio, que intercedeu no governo do Estado para que a Estrada de Ferro Sorocabana, um marco do progresso local, passasse na antiga Rio Novo, o que não aconteceria segundo o projeto original.

Avaré, hoje é Estância Turística e conta com cerca de 77 mil habitantes, conforme números do censo 2000 do IBGE, está entre as 50 maiores cidades de porte médio do Estado de São Paulo e sua força econômica destaca-se no Vale do Paranapanema.

 

Hino

Terra amável dum povo bondoso
Foi teu marco uma humilde capela
Que, iniciando um destino glorioso
Fez surgir esta urbe tão bela.
Salve, salve, Avaré, eia... avante,
Pela senda dum belo porvir,
Que teu lema feliz, triunfante,
Sempre foi combater, progredir.
Teus pioneiros, tão bravos, tão fortes,
Num esforço tenaz, sobre-humano
Nessa luta enfrentaram mil mortes
Tendo à frente o audaz VITORIANO
Hoje, orgulho da terra paulista
A cidade-Jardim nos encanta
E, indo assim de conquista em conquista
Mais e mais sua grei se agiganta
Povo bom e gentil, no teu seio
Forasteiros encontram guarida
E integrando-se logo em teu meio
Fazem sua esta terra querida.


Letra: Prof. Djalma Noronha
Música: José Benedito de Camargo

 

Economia

A economia gira em torno da agriculturapecuáriaserviços e do turismo explorado às margens da Represa de Jurumirim. Na agricultura foi considerado nos anos 30 como a capital nacional do algodão. Até a grande geada de 1975 foi grande produtor de café. A pecuária é muito desenvolvida, a partir do ano de 2006 é visível o desenvolvimento das plantações de cítricos e de cana-de-açúcar pela instalação de uma usina de açúcar e álcool.


Comércio

A cidade de Avaré é o centro de compras da região, o município oferece lojas diversificadas, galerias, lojas de materiais de construção e lojas de insumos agrícolas entre outros.


Indústria

Avaré desenvolve várias atividades produtivas e de industrialização como empresas plásticas, cartonagem, estruturas e esquadrias metálicas, o ramo de bebidas, torrefação de café, beneficiamento de arroz, confecções têxteis, bolas, barcos e equipamentos náuticos, cerâmicas, piscinas, banheiras, tubos e conexões, implementos agrícolas, roçadeiras, artefatos de cimento, Box para banheiro, carretas e carrocerias, laticínio, recauchutagem de pneus, usinagem de asfalto e futuramente uma usina de açúcar.

 

Turismo

Represa Jurumirim: A represa é formada pelo represamento do rio Paranapanema, são 449 de espelho d água, que se tornou um grande atrativo turístico. De águas claras, livre de poluição e cercado por verde, o manancial de 25.000 alqueires de água pura apresenta 100 km de comprimento com três quilômetros de largura em alguns pontos, 1800 km de praia e com volume de água seis vezes maior do que a baía de Guanabara sendo cortada pela ponte Carvalho Pinto com um quilômetro de extensão. A represa fica a vinte quilômetros ou apenas quinze minutos de Avaré, com acesso facilitado pela rodovia João Melão no km 281.


Camping Municipal: A cidade dispõe de um camping que fica as margens da Represa Jurumirim, o local possui total infra-estrutura com sanitários, lavatórios, quiosques, churrasqueiras, campo de futebol e um parque infantil. O camping é aberto todos os dias.


Ponte Carvalho Pinto: A Ponte foi inaugurada em agosto de 1953 sobre a represa de Jurumirim e possui mil metros de comprimento e oito metros de piso transitável de veículos. A obra atendeu ao anseio da população avareense que lhe deu esse nome em homenagem ao governador Carvalho Pinto que trouxe esta conquista a cidade.


Cachoeira da Liberdade: O local está se preparando para receber esportes de aventura monitorados, localizado no bairro da Pedra Preta, possui 67 metros de altura de recursos naturais para ser explorado.

Cachoeira Bela Vista: Localizada no Bairro da Pedra Preta, com 77 metros de altura, recurso natural a ser explorado. Brevemente serão oferecidos Esportes de Aventura Monitorados.

Floresta Estadual - Horto Florestal: O Horto fica aberto diariamente a partir das 6 horas e geralmente fecha às 21 horas, à noite o atrativo principal é um lago artificial totalmente iluminado. Os turistas podem conhecer a trilha educativa, um passeio que os coloca em contato direto com a natureza. No local também podem encontrar lanchonete, sanitários, quiosques e parque infantil.

Corredeiras do Rio Novo e Ponte Inglesa: Locais propícios para a pratica de esportes de aventura, as corredeiras serão usadas para o bóia cross e eventos culturais.

Usina Rio Novo: Construída pela empresa dos srs. Valle Castro & Cia em 1909, sua construção é de alvenaria de pedra. Aproveitando uma queda útil de 12,40 m para a captação da água, a corrente gerada na época era de 200 volts, sendo funcionada por três transformadores monofásicos e sob essa tensão foi conduzida a energia para a cidade. A iluminação era feita com 9600 velas, distribuídas em lâmpadas de cinqüenta velas na parte nobre da cidade e de 32 arredores. Todo o material de instalação foi importado da Alemanha e da Suíça. A Cia. Luz e Força Santa Cruz da Empresa de Eletricidade Avaré S/A adquiriu a usina Rio Novo em 1951. Atualmente o local passa por reestruturação para se tornar mais um ponto de visitação, pois além do visual belíssimo o espaço abriga aves de origem desconhecidas como tucanos e macacos da raça sagüi e serelepes.

Cristo Redentor: A imagem fica em uma região privilegiada, possui um mirante que oferece vista da cidade. O local foi abençoado pelo Arcebispo Dom Antônio Maria Mucciallo que foi inaugurado em 1997. O escultor foi o Engenheiro Paulo Roberto da Silva. O acesso ao local é pela rua Anacleto Pires s/nº, ao lado do ginásio de Esporte Kim Negrão.


Centro Cultural Djanira Motta: Complexo da Biblioteca Municipal, Museu Municipal e Secretaria da Cultura. Rua Minas Gerais, 279. Telefones 3733-6004 3732-5057 (prédio da antiga CAIC)

Núcleo Cultural Professor Joaquim Negrão: Memorial Artístico e Fotográfico de Avaré, com anexo a academia Real de Belas Artes. Rua Santa Catarina, 83, em frente a antiga estação de trem

Casa de Artes e Artesanatos: Ruas Rio Grandes do Sul, 1793, ao lado do Teatro Municipal, aberto de 2ª à 6ª feiras das 8h às 11h30, retorno das 13h às 17h, aos sábados 9h às 14h. Aos domingos e feriados o local abre a pedido dos hoteleiros conforme o tour programado para seus hóspedes. Telefone 37112533, ramal 256

Largo São João: O monumento foi erguido em honra aos avareenses que combateram na Segunda Guerra, especialmente ao soldado da Força Expedicionária Brasileira, Sérgio Bernardino, que foi morto em combate nos campos de batalha da Itália em 1945. Atualmente no local acontece bailes animados aos sábados e domingos à partir das 19 horas. O Largo São João fica na rua Rio Grande do Sul.

Teatro Otávio Morales Moreno: Avaré é uma cidade com muitos artistas e por isso o Teatro Municipal sempre providencia peças a apresentação de várias peças para a população, aberto de sexta à domingo, o teatro pode ser visitado na rua Rio Grande do Sul, 1810.

Praça Padre Tavares: Santuário Nossa Senhora das Dores, toda em estilo barroco, pintada a mão pelo artista tcheco Francisco Paulovic, decorada com figuras do novo testamento, sua construção teve início em 1921 e término em 1945. Este santuário, nos anos 1913, 1917 e 1921, teve o privilégio de ser visitada por Madre Paulina do Coração Agonizante de Jesus.

Praça Romeu Bretas: Localização da Concha Acústica, inaugurada em 1959. É um espaço aberto onde se realizam shows, comícios e baile para a comunidade, destaque para o piso que forma a figura de crianças dando as mãos. Encontra-se também o marco geográfico, que simboliza o ponto central da cidade.

Capela Nossa Senhora da Boa Morte : Localizada no Largo sonho do Major, o local conta com a imagem doada por Dona Teresa Cristina, esposa do Imperador Pedro II, a uma tradicional família avareense.

Largo São João : Localizada no centro da cidade, encontra-se o monumento em honra e glória ao expedicionário avareense Sergio Bernardino, inaugurado em 1961 autoria de fausto Mazzola. Sua maior atração é a Fonte das Artes, que representa as lendas gregas, onde os quatro titãs suportam nos ombros as quatro musas (música, pintura, poesia e escultura). O local também conta com um coreto.

Praça Rui Barbosa :Localizada no centro da cidade, encontra-se o prédio mais antigo da cidade, Edifício Dr. Paschoal Bocci, antigo Fórum. Construído em 1896, o local abrigou o tribunal e a cadeia pública. Originalmente possuía características Barrocas, porém sofreu alterações com substituições de janelas, portas e escadarias.

Casarão: Localizado a rua Bahia esquina com a rua Pernambuco, o casarão de uma porta e muitas janelas estreitas foi construído em 1893, com 13 cômodos. O prédio conta com uma arquitetura colonial, criada pelo arquiteto espanhol Ângelo Fonteinha. Hoje o local abriga a Secretaria da Educação.

 

Eventos

Emapa: A conhecida Exposição Municipal Agropecuária de Avaré reúne todos os anos leilões, exposições de bovinos, centro de eventos, provas eqüestres. Realizada no Parque de Exposições Fernando Cruz Pimentel, o local possui infra-estrutura necessária para oferecer conforto para os visitantes da feira que é acontece na primeira quinzena de dezembro.Avenida Paulo Novaes, sem número.

Fampop: Festival Avareense de Musica Popular Brasileira é realizado pela Prefeitura há 23 anos. O evento reúne músicos de todo território nacional. Grandes nomes surgiram desse evento que tem projeção nacional. Zeca Balero, Chico César, Lenine, Jorge Vercilo entre outros saíram desse festival e ganharam o gosto popular. Ginásio Kim Negrão Rua Anacleto Pires, sem número.

Feira de Artesanato: Localizada no Largo São João, com funcionamento todos os sábados a partir da 9h ás 17h30. Trabalho de artesões locais, exposição e venda de artesanatos.

Nhô Musa: É uma festa realizada na segunda quinzena de junho, no parque de exposições Fernando Cruz Pimentel, é uma festa de caráter beneficente, que conta com a participação de escolas, entidades sociais e clubes de serviços da cidade.

Feira das Nações: Realizada na primeira quinzena de setembro, no Recinto do Parque de Exposições Fernando Cruz Pimentel com organização da APAE. Tem como característica a apresentação de barracas de diversas nacionalidades como: a japonesa, a brasileira, italiana, holandesa, inglesa, entre outras. Apresentam comidas, bebidas, trajes, músicas e danças típicas.

 

Emapa - Fest Country

Conhecida como Capital Nacional do Cavalo, Avaré reúne um grande número de haras e eventos agropecuários. Também se destaca pela criação de pôneis, míni vacas e avestruzes.
 
E é no Parque de Exposições Fernando Cruz Pimentel que ocorre anualmente desde 1964 na 1ª quinzena de dezembro a Emapa - uma das maiores exposições agropecuárias do Brasil.
 
Realizada pela Prefeitura, tem como características as exposições de bovinos, caprinos, eqüinos, ovinos; leilões; rodeios; uma extensa programação de shows musicais, com garantia de grande sucesso, além da exposição de artigos diversos, como roupas, jóias, produtos artesanais, entre outros.
 
Além do evento agropecuário, acontece também a badalada Fest Country, com atrações musicais e rodeios, além de corridas de kart, enduros eqüestres e campeonatos de hipismo.
 
Um comércio amplo e diversificado garante ótimas compras, animados bares e bons restaurantes dão o tom da noite.

 

Fotos antigas de Avaré

Coleção Gilberto Fernando Tenor - Acervo do IHGA

  

 

 Avaré Sorocabana




Calçamento 1939 




Cine Sta Cruz





 Colégio São José - Pref Romeu Bretas





 Concha Acústica vista do Santuário





 Desfile 27-04-1941





 Embarque Estação Ferroviária Sorocabana

 





 Escola Matilde

 





 Esgoto Rua Alagoas 1965

 





 Forum e cadeia

 





 Igreja São Benedito

 





 Jardim São João (remodelado) 1938

 





 Largo São João 1939

 





 Largo São João (menino com luminária)

 





 Largo São João R. Rio Grande do Sul x R. Maranhão





 Largo Sta Cruz

 





 Matriz Nossa Senhora das Dores

 





 Mercado Municipal

 





Monumento Pracinha (construção) 

 





 R. Pernambuco entre a R. Maranhão e R. Alagoas

 





 Relógio de sol 1961

 





 Rua Maranhão

 





 Rua Pernambuco - Largo Mercado

 





 Rua Rio Grande do Sul (Casa Verde)

 





Rua Rio Janeiro 

 

 

 

 

 

 

 

 

 Visita do Governador Adhemar de Barros 1946

 

Coleção José Reynaldo Fonseca


 

1º Emapa (Oscar Valente e Vilma) 1965





 1ª Igreja matriz de Avaré 1905

 





 Asilo São Vicente de Paula 1914

 





 Banda Padre Celso

 





 Banespa - 16-01-1937

 

 

 

 

 Casa onde nasceu Djanira

 





 Casarão R. Pernambuco x R. Bahia 07-09-1939

 





 Concha Acústica

 





 Construção da Ponte Carvalho Pinto

 





 Desfile (Casa Verde)

  





 Desfile Vera Cruz

 





 Mercado

 





 Rua Pernambuco

 





 Rua Rio Grande Sul (antiga)

 





 Rua São Paulo x Rua Rio Grande do Sul 1906

 





 Santa Casa antiga 1914

 





 Ultrafertil 1964

 





 Djanira e cão Horácio 1976

 





 Escola Comércio - Tiro Guerra

 





 Estação Sorocabana

 




 

 Foto aérea Avaré 1964

 





 Ginásio do Estado 1936

 





 Igreja Nossa Senhora das Dores (antiga)

 





 Internos Vera Cruz

 





 Largo da Matriz Nossa Senhora das Dores 1905

 





 Padre Celso e paróquianos

 

 


 Ponte de Madeira Rio Paranapanema

 





 Professores (Matilde Vieira)

 





 Rua Rio Grande do Sul

 





 Rua São Paulo (antiga)

 

 

 

 

 


 

Fotos Recentes de Avaré